Depressão - O começo

Ir em baixo

Depressão

Mensagem por Narud em Qui Maio 10, 2012 4:31 pm

Olá,

"Tropecei" neste fórum por acaso e decidi deixar a minha experiência. Tal como tu, também já passei por uma depressão em que o médico de família me encaminhou para o psiquiatra que me receitou antidepressivo e ansiolítico. No desespero, e apesar de também não querer habituar-me a comprimidos, segui o tratamento. As melhoras notaram-se ao fim de algum tempo (o humor melhorou, a vontade de fazer coisas voltou). Findo o tratamento, fiz o devido "desmame" e as coisas estiveram bem umas semanas até que a vida fez das suas. Fui-me abaixo, muito abaixo... Percebi que na verdade a medicação não resolveu nada e veio tudo ao de cima com mais força. Por iniciativa própria decidi procurar ajuda psicológica. Ao fim de dois anos achei estar bem o suficiente para pedir alta. Assim, da minha experiência, acho que a medicação ajuda numa fase inicial para nos acalmar (sem ficarmos "drogados"), para nos dar novamente forças e vontade de seguir em frente, continuar a viver. Mas considero imprescindível a psicoterapia. Mais não seja para nos ajudar a perceber porque nos sentimos mal. E às vezes é tão fácil (embora no momento não nos pareça) como olhar para as coisas de maneira diferente...

Narud
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão - O começo

Mensagem por asoeiro em Qua Maio 09, 2012 8:47 am

Olá Rafa,

Também já me diagnosticaram uma depressão com direito a receitas médicas e tudo.
É perigoso eu vir para cá dizer que deves seguir o meu exemplo, pois cada caso é um caso, mas pode ser que ajude. Na altura pensei [como ainda hoje penso que a depressão está muito na moda, basta nos sentirmos mais cansados ou tristes e pumba, levamos logo com tal diagnóstico].

Na altura tive os mesmos receios que tu, mas tomei a medicação nos primeiros dias e não gostei do efeito. Muito me disseram que era uma questão de habituação, mas sinceramente o medo de ficar 'habituada' aquilo ganhou e eu parei.
Procurei soluções e alternativas e parei de tomar aquelas coisas [guardei-os apenas para casos sos em que me sentisse mesmo mal]. Tentei identificar o quê e quem me fazia sentir mal e fui eliminando essas coisas dos meus dias, aos poucos [até porque a medicação trata os sintomas da depressão e não as suas causas, é importante que façamos esta análise]. Quando me sentia mais cansada ou triste, procurava fazer coisas de que gostava [os chamados interruptores de luz que todos temos]. Cuidei de mim e da minha auto-estima - acredita que esta parte, não é nada futil e foi de uma grande ajuda - e procurei ocupar-me com coisas que gosto de fazer. Vivo perto do mar, por isso vou dar umas caminhadas pela areia, comecei a fazer terapia Reiki e deporto. Ajudou imenso e hoje sinto-me muito bem.

Espero que consigas ultrapassar essa fase menos boa.
beijo

asoeiro
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Olá Rafa

Mensagem por Admin em Ter Maio 08, 2012 1:45 pm

Não tens nada que agradecer. Se conseguir ajudar uma pessoa que seja com o forum, já valeu a pena Smile

Não mencionaste a tua idade, e às vezes é importante sabermos. Independentemente dos diagnósticos que te possam fazer, em primeiro lugar, deves avaliar como TU te sentes, e se TU achas que consegues resolver a situação sozinha. Se quiseres/puderes, gostava que explicasses o que sentes, porque achas que estás deprimida e como tudo começou.

Beijinhos
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 4
Data de inscrição : 07/05/2012

Ver perfil do usuário http://perturbacoesdehumor.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão - O começo

Mensagem por Rafa em Ter Maio 08, 2012 1:13 pm

Olá a todas.

Parece que vejo uma luzinha ao fundo do túnel... No dia em que precisava de resposta nasceu este forum! Desde já agradeço à Kitty pela ideia e a todos pela ajuda.
Ontem fui ao médico de família... Diagnosticou-me uma depressão/inícios de depressão... Receitou-me um ansiólitico e uma antidepressivo (inibidor da recaptação da serotonina)... Ainda não comecei a tomar a medicação... Estou com receio... Não sei se devo "confiar" no diagnóstico dele e se deveria ir a um psicólogo ou se simplesmente este receio é fruto do processo de negação da depressão. Na vossa opinião deveria consultar um psicólogo para confirmação de diagnóstico? (Eu optei por ir ao médico de família, porque a minha condição económica está má e não conseguiria suportar visitas de rotina...)
Também tenho receio dos efeitos secundários da medicação... Há momentos em que acho que talvez conseguisse resolver isto sozinha porque está numa fase inicial, mas depois lembro-me dos sermões que dei às minhas amigas que já passaram por isto... que deviam tomar a medicação direitinho... que era preciso para conseguirem ultrapassar. Enfim... "Olha para o que digo, mas não para o que eu faço"....
(Não sei se este detalhe importa, mas foi a minha primeira consulta com ele, pois ultimamente não tenho tido um médico de família "definitivo)
Outra questão que queria colocar: Existem terapias alternativas/complementares ao tratamento farmacológico da depressão? qual a vossa opinião acerca delas?
Obrigada.
Beijinhos

Rafa

Mensagens : 1
Data de inscrição : 07/05/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Depressão - O começo

Mensagem por Admin em Seg Maio 07, 2012 10:51 pm

Vamos dar início ao forum! Dentro do tema Depressão, podem falar de todas as vossas experiências, e criar questões que achem pertinentes ao grupo. Smile
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 4
Data de inscrição : 07/05/2012

Ver perfil do usuário http://perturbacoesdehumor.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão - O começo

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum